• By Costão
  • 15 de novembro de 2019

Caminhada ecológica: 5 dicas para ter cuidado nessa aventura

caminhada ecológica

Caminhada ecológica: 5 dicas para ter cuidado nessa aventura

1024 683 Costão do Santinho

Percorrer trajetos em meio à natureza é uma excelente forma de ter contato com cenários incríveis. Quem pratica caminhada ecológica sabe muito bem disso. De quebra, passa a entender a importância de preservar os recursos naturais e toda a riqueza da fauna e da flora presentes no entorno.

Esse tipo de atividade também promove uma série de benefícios à saúde física e mental. Por conta disso, pode ser uma ótima opção de atrativo para incluir em seu roteiro de viagem. A vantagem é que o Brasil abriga vários destinos com trilhas para você explorar nas férias, nos feriados ou finais de semana.

Tem interesse em saber mais sobre essa forma de lazer e os cuidados que ela exige? Fique conosco e saiba como se preparar para viver essa experiência com total conforto e segurança!

Os benefícios da caminhada ecológica

Um passeio cheio de conhecimento é uma das melhores definições desse tipo de caminhada. Afinal, ele permite observar e conhecer as principais espécies animais e vegetais de uma região. Isso significa que as percepções serão diferentes se você fizer turismo no Sul do Brasil e, futuramente, em outro canto do país.

A obtenção de novos aprendizados é ainda maior quando a prática conta com a orientação de um instrutor. Acompanhados de um profissional, os praticantes recebem muitas informações enquanto contemplam belas paisagens. A cada passo dado, é possível ter acesso a novas descobertas.

Além de promover a consciência ambiental, a caminhada ecológica contribui para a manutenção de um estilo de vida mais saudável. Isso porque combina a prática de exercício físico ao relaxamento, ambos fundamentais para um corpo e uma mente sadios.

Ou seja, ao percorrer as trilhas naturais, você estará cuidando se si — com muita diversão, bem-estar, aumento da energia, redução do estresse e da ansiedade. Tudo fica melhor se o local escolhido proporcionar muito verde e belezas naturais, como é o caso de alguns destinos em Florianópolis.

Os principais cuidados ao fazer a atividade

Por mais simples que pareça, a caminhada ecológica demanda alguns cuidados para que seja segura e prazerosa. Uma boa estratégia é buscar modalidades conduzidas por pessoas experientes e que conheçam o trajeto, especialmente se você for iniciante na prática.

Veja outros passos importantes para se preparar.

1. Pesquise sobre o trajeto e a região

O primeiro cuidado é se informar sobre o local em que você fará a caminhada, sejam montanhas em áreas de serra, sejam trechos próximos de praias. A pesquisa pode ser feita em sites dos municípios e é fundamental para conferir as principais características da região.

Uma tática para evitar surpresas é verificar a distância do trajeto e a duração estimada, bem como detalhes sobre altitude e elevação. Também avalie a previsão do tempo para definir quais pertences serão necessários.

Vale destacar que se você procura tranquilidade, por exemplo, compensa planejar a atividade em época de baixa temporada. A dica é válida principalmente para cidades turísticas que costumam receber muitos aventureiros em determinados períodos.

2. Providencie água e alimentos leves

Independentemente do tamanho da trilha, você precisará repor as energias em algum momento. Isso deve ser feito com água e lanches preparados com ingredientes não perecíveis. Boas opções incluem castanhas, frutas secas, biscoitos integrais e barras de cereais.

Você também pode complementar a hidratação com uma bebida isotônica, que ajuda a repor os sais minerais perdidos por meio do suor. Esse cuidado com a nutrição e com a ingestão de água permitirá curtir a caminhada ao máximo, com ânimo e disposição do início ao fim.

3. Leve um kit de primeiros socorros

Por mais atenção que você tenha durante a caminhada ecológica, não pode garantir que estará livre de acidentes. Uma pedra solta, um galho fora do lugar ou um terreno em declive são suficientes para causar quedas e escorregões durante o percurso.

Assim, para curtir o momento de lazer livre de preocupações, o ideal é montar um kit básico de primeiros socorros. Produtos como pomada, álcool, esparadrapo, atadura e gaze esterilizada são suficientes para fazer curativos. Use-os para desinfetar possíveis machucados e manter a pele protegida até finalizar a atividade.

4. Evite o excesso de bagagem

Estar prevenido é muito bom, mas algumas pessoas exageram nesse aspecto. Seja por medo do desamparo durante um imprevisto, seja por desconhecer a região da trilha, é comum encontrar praticantes que levam mais itens do que realmente precisam.

O problema é que essa atitude gera bagagem extra, que, ao longo da caminhada, pode resultar em cansaço e dores pelo corpo (costas e membros). Nessas condições, você dificilmente terá vontade de cumprir todo o trajeto e precisará fazer pausas constantes para descansar.

Evite o problema planejando cuidadosamente o volume da sua mochila. Com base nas pesquisas sobre o local e a previsão do tempo, é possível prever os recursos certos e deixar alguns pertences em casa. Veja alguns exemplos e adapte conforme a necessidade:

  • capa de chuva — para lugares que indicam clima instável;
  • casaco — para dias que prometem mudança de temperatura;
  • lanterna — para trilhas realizadas muito cedo ou perto da noite;
  • pochete — para lugares que permitem coletar pedras, sementes, conchas etc.

5. Use vestimentas confortáveis

Caminhada é uma atividade que exige conforto, então, pense com cuidado nas roupas e no sapato que utilizará durante a prática. Regatas, bermudas e camisetas leves são ótimas opções porque permitem maior liberdade de movimentos. Essas peças devem ser compostas por tecidos que deixem a pele transpirar.

Quanto ao calçado, ele deve ter solado resistente e antiderrapante. Mas atenção: jamais utilize uma bota ou tênis novo, por melhor que seja o modelo. Afinal, a peça não terá laceado o suficiente e poderá causar bolhas e outros machucados que geram desconforto.

Por fim, incremente a vestimenta com acessórios de proteção, como óculos de sol, chapéu, viseira ou boné. Um bom filtro solar e um repelente de insetos também são itens que não podem faltar na sua mala de viagem para um destino com trilhas.

Agora você está pronto para encarar uma aventura em grande estilo. Uma boa solução é programar sua caminhada ecológica com um resort que inclua essa atividade em algum dos seus pacotes. Depois, é só informar os seus companheiros de viagem sobre a data e curtir cada detalhe da experiência.

Gostou das dicas apresentadas? Então, compartilhe este post nas redes sociais e ajude outras pessoas a planejar esse tipo de viagem!

Leave a Reply